Skip to main content
starbucks reserve roastery nyc

Starbucks: experiência e inovação

Em dezembro de 2018 inaugurou em Nova Iorque o Starbucks Reserve Roastery. A cafeteria já tinha esse modelo de loja na cidade de Seattle desde 2014 e em Shanghai abriu em dezembro de 2017. A ideia desse formato de loja é oferecer uma “janela” tridimensional para uma jornada do café. Com a abertura desse novo ponto, levou esse conceito de experiência e inovação para uma das maiores cidades do mundo.

A loja é composta por diversos ambientes, como diferentes tipos de bares, loja de presentes e objetos da marca Starbucks, espaço para tomar café, padaria, área de torração do café, enfim, locais que remetem ao café e a sua experiência da produção ao consumo.

A loja

Toda a loja do Starbucks Reserve Roastery é pensada para levar ao cliente uma experiência fantástica com muita inovação em serviços e tecnologia. No bar principal, que é o motor da experiência com o café, os mestres do café sugerem a bebida perfeita, fabricada em um método especialmente para o cliente. Esse café pode ser combinado com uma comida preparada na padaria da loja.

Padaria
Foto: Aline Autran

A loja também oferece o Experience Bar, que fica no andar de baixo da loja. Esse espaço procura aprofundar as experiências com café por meio de métodos exploratórios de fermentação e narração orientada pela origem, levando a uma experiência sensorial.

Experience Bar
Foto: Aline Autran

Existe também o espaço do “clacker board”, que tem um letreiro igual aos antigos de avisos de voos dos aeroportos. Nesse letreiro são mostradas informações sobre o tipo de café que está sendo torrado e eventos especiais na loja.

Clacker Board
Foto: Aline Autran

No Scooping Bar o cliente tem a oportunidade de escolher um café torrado no próprio Starbucks Reserve que é embalado no local na hora da compra.

Scooping Bar
Foto; Aline Autran

No andar superior tem o Arriviam Bar, local onde se prepara coquetéis inspirados e criados com café.

Arriviamo Bar
Foto: Aline Autran

A loja toda é cheia de espaços que convidam a experimentar e sentir os gostos e cheiros do café. Também tem uma área de produtos já embalados e onde é possível levar presentes e lembranças do Starbucks.

E tem a área da torração do café, espaço para experienciar o processo que o café passa para ficar com aquele cheiro e gosto especial. E para quem tem Apple é possível baixar o aplicativo que mostra os principais elementos dessa jornada, desde o plantio de uma árvore de café virtual até o seu preparo final, o servir o café.

O Starbucks Reserve e outros formatos da loja

Depois de alguns anos somente em Seattle, a Starbucks Reserve Roastery expandiu para Xangai e um ano depois para Nova Iorque. Atualmente já conta com lojas em Tóquio, Chicago e Milão, levando a experiência e inovação do mundo do café para os consumidores.

A Starbucks está sempre buscando inovar e levar experiências marcantes aos clientes. Novos formatos de suas lojas estão surgindo para atender as necessidades e desejos dos clientes. O mais recente modelo de loja é o Starbucks Now, uma loja projetada para o rápido atendimento, para aqueles clientes que já fizeram seus pedidos online, ou motoristas e entregadores que buscam os pedidos feitos via aplicativo. Isso demonstra o quanto a empresa está preocupada em entender a jornada de compra do cliente (cada vez mais omnichannel).

Starbucks na NRF: Retail’s Big Show

Por estar inovando, adaptando novos formatos, usando tecnologia, mas nunca esquecendo do consumidor, a Starbucks estará presente na NRF 2020. O CEO, Kevin Johnson, será keynote no dia 13 de janeiro. Falará sobre o papel das experiências e conexões compartilhadas no ambiente de varejo moderno, mostrando que a emoção e a conexão humana não podem ser negligenciadas com a tecnologia e a modernização do varejo.

Nesse mesmo dia, Dave Estlick, Diretor de Segurança da Informação do Starbucks, falará, junto a outros líderes de segurança cibernética do varejo, do poder da colaboração no setor de segurança cibernética. A ideia dessa sessão é discutir os aspectos de segurança e debater se é possível que os varejistas sejam colaborativos (e não competitivos).

Uma marca tão inovadora e representativa, vale a pena acompanhar! Quem tiver oportunidade, veja na NRF 2020 os insights que serão apresentados por seus executivos. E quem não puder estar presente, acompanhe pelas redes sociais e notícias na imprensa digital. Afinal de contas, bons exemplos são inspiradores!

Aline Autran de Morais

Mestre em Administração com linhas de pesquisa em Omnichannel; Inovação em Marketing para o varejo; Marketing Digital; Gestão de Fornecedores. Especialização em Marketing, MBA em Gestão de Varejo e Gestão Empresarial. Mais de 20 anos de experiência em varejo de moda, tendo atuado como Gerente de Produto e Gerente de Gestão de Fornecedores na Lojas Renner, Gerente de Supply e Operações na Uatt?. Sócia-proprietária da Ideiamais. Professora na ESPM Sul.